Nossa guerreira

Nossa guerreira
Vivi

sexta-feira, 13 de março de 2015

Mais uma dificuldade...mais um desafio...



                                             MAIS UM MOMENTO DIFICIL...


Há exatamente dois anos nós estávamos passando por outro momento difícil com nossa flor e estávamos em plena campanha para irmos com ela para um tratamento... deu certo... Deus é maravilhoso... e tudo deu certo...
Vivi já estava a um bom tempo bem... exceto pelas crises alérgicas, mas isso a gente já aprendeu a lidar e cuidar dela em casa mesmo.
Mas agora, surgiu dois novos problemas para enfrentarmos, um deles mais grave e mais urgente que o outro.
Ela começou a ter um comportamento diferente do normal e não sabíamos direito o que era... ela não estava conseguindo ficar sentada...esticava muito as perninhas e começamos a ficar apavorados sem saber o porque...
Como ela já tinha uma consulta agendada com o ortopedista, fomos. Lá descobrimos em um raio x que ela está com o quadril deslocado.
Se para os médicos isso é “normal”, para nós pais foi apavorante.. saímos de lá desnorteados.
E a partir desse dia foi que compreendemos o que ela estava sentindo e não tínhamos identificado antes...
Nossa, que barra...
Ver minha pequena sentir dor é demais para mim.
No auge do meu desespero e sensação de impotência, cheguei a pedir a Deus que se fosse da vontade dele que desse um descanso a ela, o que não suportaria era ver minha florzinha sentir tanta dor...
Mas nessa mesma noite em que pedi isso, entrei em pânico...porque quando parei pra pensar eu vi que não suportarei ficar sem ela... mas é desespero... eu só não queria e não quero ver minha flor assim...
Ainda procuramos outro médico, especialista em quadril, que foi super atencioso, mas que sugeriu um tratamento com toxina butolinica...mas infelizmente aqui não faz. Até faz aplicação da toxina, mas no caso de Vivi precisa ser com eletro estimulador que aqui não tem.
Então diante disso, vendo nosso sofrimento diário, os amigos mais próximos, começaram uma campanha para nos ajudar a ir pra São Paulo, onde a Vivi já fez tratamento.
A principio fiquei sem graça, porque quando se trata de campanha, tem sempre aquelas pessoas que criticam... mas por outro lado eu não tenho que pensar, muito menos me preocupar com o que as pessoas dizem, principalmente as que não nos conhece, as que não sabem da nossa realidade.
Trabalhamos sim. Mas o que ganhamos não é o suficiente para fazermos uma viagem dessa, de última hora. Então, se é para o bem dela, exclusivamente para ela, eu não me envergonho dessa campanha. Pelo contrário, eu me orgulho dos amigos que tenho.
E vamos em frente, torcer para que tudo dê certo e que mais uma vez nós possamos amenizar os problemas da nossa menina.







segunda-feira, 1 de setembro de 2014

Em busca de dias melhores....

E mais uma vez vamos em busca de melhorias para nossa menina....
Chegamos hoje de Recife....fomos para uma consulta com a neuropediatra dela dra Valéria Salazar...e como sempre toda atenção...cuidados e carinho foram dados à minha flor...
Para começar ja fomos recebidas com muito carinho pelas maravilhosas meninas da recepção...tia Neide e tia Nilda....kkkkk
E a consulta foi pra lá de produtiva....essa médica/anjo é tudo para nós....kkkkk
E ainda fomos visitar e recebemos  visitas de pessoas maravilhosas...













Comemoração do niver de 3aninhos....


E foi com o apoio e o amor de todos os amigos queridos que foi possível realizarmos essa singela mas amorosa comemoração..
Afinal de contas não podemos deixar passar em branco essa data tão especial...
E ela, a minha flor perfumada, continua a nos alegrar,contrariando a ciencia e nos provando que o maior é o AMOR DE DEUS....
Obrigada a todos que contribuíram para essa linda festa....
A nossa menina se transformou na MORANGUINHO mais linda do mundo...kkkkk





































segunda-feira, 21 de julho de 2014

3 anos de um milagre chamado ANA VITÓRIA

Há exatamente três anos, na madrugada do dia 20 para o dia 21 eu estava exatamente assim...sem dormir...nervosa...apreensiva...ansiosa...e tantos sentimentos que nem dá para descrever...
No dia 21 ela chegaria ao mundo....ela, a minha flor perfumada...que desde a barriga já demonstrara tanta garra e tanta vontade de viver...
Cheguei ao Hospital Memorial de Petrolina, acompanhada pelo meu marido, um pouco antes das seis da manhã, como tinha orientado a minha obstetra...
A sensação era de puro medo....
Medo da experiência do parto cesáreo...medo de que as previsões feitas pelos médicos desde a gestação, se concretizassem, que era de que minha menina não tinha chance nenhuma em sobreviver após o nascimento....e por alguns instantes desejei sair correndo daquele hospital e levar para bem longe a minha menina....porque a minha vontade era continuar protegendo-a como tinha feito até ali...
Mas infelizmente eu não podia fazer aquilo...corria o risco de entrar em trabalho de parto e aí sim as chances dela diminuiriam consideravelmente.
E com apoio do meu marido, fui tentando me tranqüilizar.
Pouco mais das sete minha médica chega e me acalma...como fez em todo o processo que me acompanhou...
E lá vamos nós para a sala de cirurgia...
Exatamente as 07h45 vinha ao mundo a minha pequena...quando foi retirada da minha barriga ela chorou forte...e naquele momento eu entendi tudo....olhei para meu esposo e nesse momento compreendemos todo o amor de Deus por nós...
E aquele choro com certeza era ela dizendo: “cheguei pessoal”....
Como todos sabem....a nossa história não so feita de coisas boas...
Em nenhum momento eu deixo claro que é a mil maravilha ser uma mãe especial em um mundo ainda tão atrasado...em um mundo tão preconceituoso e que a vida de um bebê muitas vezes não tem tanta importância para medicina como tem para sua família...
Mas, sorte nossa, ou da Vivi, ela veio para uma família que não se convence muito fácil daquilo que acredita...
E nesses 3anos de vida da Vivi...nós já vivemos muitas coisas...
Coisas boas...maravilhosas, de muito aprendizado, de muitas bênçãos, mas também muitos obstáculos, muitos desafios...
O melhor de tudo é que ela, mesmo tão pequena, nos ensina a todo instante que o bom da vida é viver um dia de cada vez, sem muitas expectativas do amanhã...
E assim tentamos viver...
Tê-la conosco é a prova viva de Deus em nós... Ele me dá todo esse desafio e quando penso que não vou suportar, Ele vem e me dá todo o suporte que necessito para continuar lutando pela vida e pelo bem estar da minha filha amada...
Muitas vezes, Ele se dá conta que é muito difícil está sozinha nessa e vai colocando anjos maravilhosos em nossos caminhos...
A cada ano, novos anjos vão surgindo e a cada um que chega, nós só temos a agradecer a Deus....porque são pessoas que se tornam fundamentais e necessárias em nossas vidas, na vida da Vivi...
Obrigada Senhor!
So posso agradecer tudo isso...
Não estou sendo hipócrita, quando digo que sou feliz EXATAMENTE tendo minha filha assim, é porque sou feliz sim...
Já fui muito criticada...ja ouvi comentários do tipo: “ela faz as postagens no face para parecer que é muito bom ter um filho especial”... ou do tipo receber uma mensagem de alguém que me adicionou: “mulher porque toda vez que a sua filha adoece você posta?”
E eu simplesmente, as vezes fico magoada, as vezes sinto pena dessas pessoas... talvez elas não saibam o que é ter um milagre vivo de Deus por perto e se dá conta disso e por isso saber amar e ser feliz com o que tem...
Já disse que quem não quiser acompanhar a minha história, não me adicione no face...rs... Eu garanto que não sou eu que fico mandando convites para ninguém... so aceito as pessoas porque ainda acredito que posso dividir a minha história e de alguma forma tocar o coração de quem me acompanha.
E não tento passar uma falsa alegria não... sou eu mesma...e quem me conhece sabe que sou assim mesmo... sou feliz por ter minha filha e acho que as vezes isso incomoda...
E quando posto que ela esta doente é exatamente para as pessoas saberem que minha vida é uma história real...ser mãe de uma filha com doenças raras é isso...um dia esta bem, no outro não está... e tenho compromisso com meus seguidores...com toda essa gente de bom coraçao que ama e que oram tanto pela minha flor...
E não vou deixar de dividir a minha história só porque A ou B esta se sentindo incomodada...
Tenho muito orgulho e muita alegria de ter essa menina em minha vida...
Uma menina cheia de limitações, mas que me ensina a superar todas...
Passei a respirar melhor...a sentir melhor...
Os meus olhos passaram a enxergar melhor o lado bom das coisas...
Meu coração bate compassado e entra em descompasso de tanta felicidade ou de tanta apreensão...
E assim eu vivo com ela...transformando os meus dias em dias únicos e milagrosos...
Todo mundo me pergunta se ela tem alguma expectativa de vida...e eu sempre respondo...não sei e nem quero saber...
Só quero continuar aprendendo com ela o real valor do tempo...da felicidade...do amor...um AMOR MAIOR...
E quero muito que o Senhor permita que ela continue por muitos e muitos anos em nossas vidas... nos transformando, nos inspirando... e principalmente nos ensinando que o AMOR é a melhor arma para qualquer batalha.



Dia do meu renascimento...



Em Recife internada...




Período pós cirurgico ainda em Recife...











Nossa primeira entrevista para a TevÊ Local